Heróis x Vilões da Meta – Jornada Acadêmica de Sistemas de Informação

No segundo e último dia de palestra da Jornada Acadêmica de Sistemas de Informações foi abordado o tema Heróis x Vilões da Meta, onde o mesmo foi ministrado pela jovem empreendedora Tatiana Marques, vice-diretora da Asteps – Associação de Startups e Empreendedores digitais.

Essa palestra é o resultado de uma profunda pesquisa que identificou o que havia em comum em diferentes metas, onde foram descobertos os principais vilões que impediam as pessoas de realizarem seus objetivos independentemente da área, e que sempre existiam motivos semelhantes que impediam o alcance desses objetivos.

Tatiana fez vários questionamentos indagados por suas pesquisas. “Para cumprir sua meta, qual é a sua motivação?, Quem são as pessoas que te influenciam?, Qual seu planejamento de ação?, Você conhece seus superpoderes?”.

Começar a colocar as ações em praticas, parar de prometer e começar a cumprir, além de não esquecer o que irá mudar na sua vida a partir do momento que a meta for atingida, são grandes passos para se obter êxito.

Qualquer história tem o vilão e o herói, mesmo o sonho sendo muito bom, de algumas coisas teremos que abrir mão para podermos alcançã-los, aí que chega a hora de colocar em ordem o caos e fazer um ensaio mental seguindo passo a passo: “Como vai viver sua meta, projetar, viver com detalhe e decidir se sua meta é do bem ou do mal”.

As metas possuem vida própria, mas não sofrem alterações, porém é algo que tem que estar incorporada a sua vida. Às vezes muitos ao nosso redor fazem o papel de “agente sabotador” aqueles que impedem ou dizem que nunca dará certo e por muitas das vezes nós mesmos somos os sabotadores e desistimos diante do primeiro obstáculo. Para isso não acontecer o foco em seus sonhos deve ser redobrado, a produtividade tem que ser constante. Incorpore a meta em sua rotina e a rotina em sua meta, tenha foco.

Saber realmente qual é a principal motivação ou quais motivações, deixar as desculpas de lado e passar a definir propósitos, além de se satisfazer ao cumprir objetivos estabelecidos, onde as experiências são simples, porém muito significativas. “Sem paixão nada se concretiza, é preciso sair da rotina e almejar novas conquistas, mas fazendo tudo com amor e dedicação. Conhecendo mais de si próprio, quem você realmente é, qualidade e defeitos, pontos negativos e positivos, sabendo valorizar suas qualidades, potencializa-las e saber onde aplicar melhor cada uma delas”.

Segundo Tatiana, os pensamentos são os principais motivos que levam as pessoas não alcançarem os resultados. Além disso, crenças, sentimentos, comportamentos, hábitos, conhecimentos, habilidades, competências e relacionamentos fazem parte da relação Herói ou Vilão.

As metas a serem alcançadas influenciam diretamente quem convive com você, por isso é essencial saber como será o grau dessa influência e buscar alinhar o que de fato é importante e compartilhar suas metas com quem você ama.

Contudo, focalizado na sua meta, sabendo distinguir o bem e o mal, alinhando sonhos, incorporando-os e a sua vida real, agarrando suas motivações e paixões é muito grande a chance de êxito em sua meta. Conhecendo a si mesmo, desenvolvendo e aplicando suas qualidades, definindo até onde sua meta influência, e o que é importante para você, são diretrizes que possibilitam o êxito da meta, “é só focar nos recursos que tem ao seu favor, e utilizá-los da melhor maneira possível”.

SEU COACH – Jornada Acadêmica de Sistemas de Informação

Nos dias 30 e 01 de outubro aconteceu a Jornada Acadêmica do curso de Sistemas da Informação da UNIEURO, com o objetivo de prover conhecimento sobre temas que estão em alta no mercado da TI.

A Primeira palestra com o tema Seu Coach foi ministrada pelo empresário Roberto Pantoja, grande referência nacional em Coaching dono de uma imobiliária e de uma empresa que oferece cursos online, onde recruta e treina milhares de pessoas ajudando-as a empreender em suas vidas.

Segundo Pantoja, o primeiro passo de tudo é: “Acreditar em si mesmo, crescer sozinho, seguir o seu talento. Quando fazemos o que gostamos temos muito mais chances tanto de crescer, quanto alcançar os objetivos traçados em nossas vidas. Isso é fundamental.”

Durante a palestra, mostrou a diferença entre produzir riqueza e distribuir riqueza e citou dois exemplos fáceis de entender como isso funciona. Se você quer produzir riqueza, simples: Abra uma empresa, seja empreendedor, assim você contribuirá com o mercado, incentivará a competitividade sadia e assim produzirá riqueza. Já quem distribui a riqueza é o governo. Vê onde necessita de investimentos, onde carece de atenção, onde produz mais e faz essa distribuição como acha melhor.

Pantoja diz que um Empreendedor tem que apostar no retorno financeiro, não pode investir por investir sem perspectivas de retorno, com essa incerteza, ou saber o que realmente quer e aonde pretende chegar! Todos almejam a estabilidade, porém não no empreendedorismo, e sim em concursos, todos se acomodam e poucos produzem realmente a riqueza. Roberto Pantoja fracassou várias vezes, mas do mesmo modo que fracassava ele correu atrás e em 2011,  meio há uma crise imobiliária nos EUA decidiu entrar no mercado, assim descobriu lacunas e usou isso há seu favor para produzir riqueza, criou um curso online sobre a área, o material foi um sucesso e hoje tem vários cursos online no segmento. Mas porque de começar no topo? Segundo o próprio porque no topo a concorrência é menor, e assim é mais fácil de você se sobressair.

Mas afinal o que seria esse negócio escalável que gasta pouco e produz muito? Startup: é uma organização escalável, rentável e sustentável, onde os microempreendedores fazem o que ninguém mais faz e tentam solucionar problemas de algumas ou milhares de pessoas.

Ainda segundo Pantoja, temos que descobrir o que as outras pessoas querem de nós, o que seu currículo contém, o que o mercado quer pra você ter um emprego melhor, seu currículo está focado naquela empresa? É preciso personalizar, focar no que realmente você quer, se capacitar e assim chegar o ponto que você comece ser pretendido pelo mercado a ponto de você escolher o que realmente quer, o que lhe agrada. Trabalhar com direcionamento no resultado, fazer acontecer e não ficar apenas esperando, pois todos tem ação, mas nem todos tem pro atividade.

Para isso tudo acontecer, os resultados virem, gaste seu tempo com o que te da retorno! O tempo é precioso e precisa ser otimizado. Incite a competição no mercado. Trace seu objetivo e desenvolva relações com quem te faça crescer, que acrescente valor. Conheça quem faça o mesmo que você, aprenda relacionar com os grandes, porque todo conhecimento que adquirir vai ser levado para suas próximas experiências e te ajudará muito. Valide as oportunidades, faça acontecer agora!